segunda-feira, fevereiro 02, 2009

Super Bowl






Imaginem a copa do mundo todo ano. Agora imagine a final, o ultimo jogo. Quando tudo fecha e todos os homens (e algumas mulheres -apesar que desconfio dessas. Aposto que ficam apenas para observar as calcas de lycra dos uniformes dos jogadores) estao hipnotisados em frente a TV. Os "snacks" em cima da mesa. A cerveja e refrigerante abarrotando a geladeira. Os rostos, cabelos (e algumas vezes peitos) dos homens pintados com as cores do time favorito, todos na grande expectativa. E' o Super Bowl: a copa do mundo do futebol americano.

Stadium de Tampa, Florida
Com tanto estardalhaco, parece ate' que o mundo todo esta competindo, mas nao, e' apenas os EUA. O jogo tambem nao e o que conhecemos, mas algo completamente diferente. O entusiasmo, no entanto, e' o mesmo. A quantidade de comercials, propagandas, artigos para vender e comercio em geral, tambem sao os mesmos. Bilhoes de dolares sao gastos neste evento. Por 3 Milhoes de dolares voce consegue 30 segundos de comercial no meio-tempo do jogo. Isso se comprar com antecedencia, porque esses segundos preciosos sao vendidos meses, algumas vezes anos, antes. E' quase que uma briga de tapa entre as grandes industrias para conseguir um lugarzinho la'. Geralmente os grande vencedores sao a Pepsi, a Coca-Cola e a Budwiser (cerveja americana).


Engracado, daqui nao vejo nem um sinal de crise economica...

Como nem todos os americanos( lei-a americanas), gostam de assistir a esse festival de testosterona, fazemos nossa propria festa: festa de pizza e filmes romanticos, ou festa de pedicure, festa de queijos e vinho... qualquer coisa para ficar bem longe dos maridos ou namorados. Ou simplesmente ficamos na cozinha, o nosso clube da Luluzinha oficial, e em meio a guluseimas comentamos o absurdo da ocasiao.

Bom, hoje o meu caminhao de testosterona esta indo assistir o jogo na casa de um amigo. Eu vou ficar em casa assistindo ao meus filminhos de comedia romantica. Mas vou colocar pausa no meu filme quando chegar a hora do meio-tempo do jogo. Quem nao quer ver um comercial de 3 milhoes de dolares ?

Um comentário:

Lenita disse...

Claudinha, aqui no Brasil (pelo menos em SP) final do Paulistão, do Campeonato Brasileiro e da Libertadores de América (quando há time brasileiro disputando) é tudo isso aí. O povo enlouquece. Mas há muitas mulheres que ficam com seus namorados, maridos, filhos, para torcer junto. Ficam lotados os restaurantes e barzinhos que têm "telão" e há comemoração na Av. Paulista pela torcida do time campeão.