segunda-feira, janeiro 26, 2009

Coisas Lindas

Mes passado o jornal New York Times fez uma experiencia: Colocou em uma estacao de metro, na cidade de Washington o violonist mundialmente famoso, Joshua Bell. Ele tocou no seu violino de 3.5 milhoes de dolares por 45 minutos, 3 musicas de Bach conhecidas por sua dificuldade e beleza. Apenas dois dias antes, Joshua tinha dado um concerto onde os ingressos foram vendidos por 100 dolares cada um. Foram vendidos em poucos minutos.

Foi colocada uma camera escondida para gravar a experiencia e contar a reacao e o numero de pessoas. O objetivo da experiencia foi verificar quantas pessoas reconheceriam algo lindo em um lugar comum. O resultado ? Joshua recebeu 32 dolares em moedas, de pessoas apressadas que jogavam o dinheiro na caixa do seu precioso violino. De 1 milhao e 100 mil pessoas que passaram UMA parou para admirar a performance. Era uma mulher que tinha ido a um de seus concertos alguns dias antes. TODAS as criancas pararam. A grande maioria teve que ser arrastada pelos pais para seguirem seu caminho. Um menino de tres anos ensistiu em ficar parado. Ficou paralizado pela beleza da musica. Por tres vezes sua mae tentou arrasta-lo, ate que finalmente carregou-o no colo a forca.
Fico pensando.. e se fosse eu naquele metro ? sera que seria capaz de reconhecer algo extraordinario ? e se reconhecesse, sera que "perderia" meu tempo para admira-lo ? Sera que um adulto e capaz de se desligar dos seus afazeres diarios e ficar "aberto" para receber as coisas lindas da vida ou sera que so a inocencia e ternura de uma crianca e capaz de reconher algo lindo em uma cena corriqueira de um dia atarefado ?
Sera que no meio de uma segunda-feira de um mes qualquer, de um ano qualquer, serei capaz de olhar ao redor e ver a beleza da vida ?

3 comentários:

eu, Lila Cassini disse...

Claudia, deixei um presente pra vc la no meu blog... passa lá ta!? espero que goste. DEUS te abençoe!

Lenita disse...

Mundo louco esse que a gente vive, não é? Andamos tão apressados, preocupados, estressados, que deixamos de dar o devido valor ao que conta. As crianças nos ensinam tantas coisas... Bjs

Leilah disse...

Oi, Claudia! Aqui é Leilah do Papo de Comadres, faz um tempinho q quero comentar seu blog mas estava numa correria danada...
Adorei este post, realmente faz a gente parar pra pensar, não é? Acho q pecamos mto no quesito "contemplar a vida", deixamos o dia-a-dia e a rotina tomarem conta. Mas acho q se nos policiarmos e aprendermos a exercitar isso dentro de nós, podemos viver mto melhor e de maneira mais leve!! Todos temos uma criança adormecida ou não dentro da gente!! Bjos!